Mais populares

Mais populares

[Rio de Janeiro-RJ] Bruno Alves é homenageado tendo seu nome no Restaurante Universitário da UERJ.

Abril 29, 2018 - 11:22
Publicado em:
0 comments

Ainda pela manhã, o ato concentrava-se em frente à fila do bandejão e os estudantes faziam falas homenageando Bruno Alves e sua luta. às 14:20 da tarde retiraram simbolicamente uma placa que homenageava Sérgio Cabral, Luis Fernando Pesão e o Antigo reitor Ricardo Vieiralves que dava a eles mérito pela construção do Restaurante Universitário. a placa foi retirada e substituída por uma em papel, provisória, nomeando o bandejão de "Restaurante Universitário Bruno Alves" em nome de sua luta por assistência estudantil na universidade.

Bruno estudava história. Era negro, cotista, pai, rapper, trabalhador, e ainda ativista pelas causas sociais que o diziam respeito. Sua luta é lembrada por muitos de seus amigos e companheiros de luta. O mesmo Bruno já foi baleado pela polícia militar que atirava com bala letal no contexto das Jornadas de Junho. Bruno também era distribuidor do Jornal A Voz da Favela que pertence à ANF que o acolheu e lamentou seu falecimento.

Após o ato, a placa que havia sido retirada foi entregue à instituição e o que se espera é que a placa provisória que homenageia o Bruno seja substituida por uma fixa mantendo a devida homenagem.

Bruno Alves, presente na luta!

Mais notícias sobre o falecimento: https://www.facebook.com/agenciadenoticiasdasfavelas/posts/1328501540605342

 

Um pouco mais sobre a ocupação do bandejão: https://midiaindependente.org/?q=node/370

Niterói-RJ: Segundo ato CONTRA O AUMENTO

Fevereiro 09, 2017 - 04:36
Publicado em:
0 comments

O segundo ato contra o aumento em Niterói ocorreu nessa quarta, dia 08 de fevereiro, com concentração às 17h no Terminal Rodoviário João Goulart. Por volta das 18:20, manifestantes partiram rumo à saída dos ônibus, dando a volta por dentro do terminal e saindo pela frente sob gritos de protesto em relação aos abusivos aumentos das tarifas.

Rio de Janeiro-RJ: 15M - Manifestação contra as injustiças da Copa

Maio 15, 2014 - 00:00
Publicado em:
0 comments

A concentração para o 15M ocorreu nesta tarde, 15 de maio, na Central do Brasil. Cerca de mil pessoas chegaram inicialmente ao local, no entanto, a Greve dos Professores e a Greve dos Rodoviários, que também realizavam protestos neste mesmo dia, se dirigiram à Central do Brasil para seguirem em um Ato unificado, somando à aproximadamente seis mil manifestantes.

Rio de Janeiro-RJ: Estudantes do #OcupaSEEDUC desocupam e saem em manifestação até a ALERJ

Junho 23, 2016 - 00:00
Publicado em:
0 comments

Na quinta-feira, dia 23 de junho, xs estudantes ocupantes da Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeiro (SEEDUC) receberam a juíza da Vara da Infância e Juventude, que trouxe uma liminar de reintegração de posse para ser executada no mesmo dia. Xs estudantes conseguiram negociar a saída para o dia seguinte, uma vez que já era noite e o prazo era muito curto. A negociação também levou com que a juíza fizesse a homologação do cumprimento das pautas gerais do movimento e da garantia de cumprimento de pautas específicas cabíveis a serem cumpridas pela secretaria de educação.

Passe Livre Universitário é aprovado na ALERJ sob pressão popular

Agosto 28, 2018 - 23:59
Publicado em:
0 comments

Houve uma grande manifestação com estudantes de diversas universidades públicas do Rio de Janeiro na frente da ALERJ no dia da votação para pressionar pela aprovação do projeto. Alguns manifestantes tiveram a entrada na Assembleia barrada e com isso o protesto moveu-se para a avenida primeiro e maio e bloqueou parcialmente a via.

Sob forte pressão popular, os deputados presentes em sessão aprovaram o projeto por unanimidade.

A importância do passe livre universitário

Rio de Janeiro-RJ: Pela Libertação dxs Manifestantes Presxs e pelo fim à Perseguição Política

Dezembro 16, 2014 - 00:00
Publicado em:
0 comments

Neste dia 16 de dezembro de 2014 manifestantes se reuniram em frente ao Fórum do Rio de Janeiro enquanto ocorriam duas audiências referentes à 23 manifestantes processados pelo Ministério Público. Uma para decidir sobre o habeas corpus dos manifestantes Igor Mendes, Elisa Quadros (Sininho) e Karlayne Moraes (Moa), que no dia 03 de dezembro a polícia civil foi à suas casas com mandato de prisão, encontrando apenas Igor que encontra-se preso. Elisa e Karlayne não estavam em casa e não se entregaram. O pedido de habeas corpus foi negado pelo juiz Itabaiana.

Rio de Janeiro-RJ: Manifestante agredido por P2 no Ato 30M

Maio 30, 2014 - 23:05
Publicado em:
0 comments

Nesta sexta-feira, 30 de maio, ocorreu o Ato 30M #NaoVaiTerCopa contra as irregularidades da Copa. A concentração para a manifestação foi marcada na Praça da Cinelândia, seguindo para a Prefeitura onde estavam a categoria dos professores em greve também em protesto, em seguida retornando em direção à Cinelândia.

Rio de Janeiro – RJ: Professores/as ocupam frente do Palácio Guanabara

Maio 17, 2017 - 21:03
0 comments

Nesta terça-feira, dia 16, professoras/es da UERJ realizaram uma aula pública no local, e durante a aula, montaram as barracas e deram início à ocupação. A ação é pelo pagamento dos salários dos/as professores/as, pelo pagamento das bolsas estudantis e pela normalização da Universidade, que há tempos sofre com o sucateamento e o descaso do governo do estado do Rio.

Reforma trabalhista aprovada no Senado

Julho 12, 2017 - 00:54
0 comments

Foi aprovada pelo senado, na noite desta terça-feira, dia 11, a reforma trabalhista do governo Temer. Antes mesmo da votação, este resultado já era sinalizado pelo senado. As mobilizações que ocorreram durante meses no país não foram suficientes para barrar a reforma que, entre outras coisas, flexibiliza a relação entre empregado e empregador, podendo retroceder diversos direitos conquistados com luta na História.

Segunda Manifestação “Vidas Negras Importam” Fecha a Presidente Vargas

Junho 07, 2020 - 19:51
Publicado em:
0 comments

Desde cedo a Polícia Militar já atuava na região metropolitana do Rio tentando coibir que os manifestantes chegassem ao centro. Ônibus sendo parados, pessoas sendo abordadas no trem, ruas fechadas por cordão policial pelo centro, tanques de guerra sendo exibidos na Central do Brasil, cavalaria patrulhando as ruas em volta do local do protesto… Tudo isso fez parte de um show de terrorismo de Estado orquestrado pela Polícia Militar.

Campanha pela Liberdade de Rafael Braga | Freedom for Rafael Braga | Liberdad para Rafael Braga

Novembro 06, 2017 - 10:26
0 comments

Facebook: https://www.facebook.com/events/139107973380976

A Campanha pela Liberdade de Rafael Braga convoca todos os coletivos, movimentos e organizações que apoiam a liberdade do Rafael a se juntarem a nós em uma série de atividades de mobilização. Essas atividades terão como objetivos exigir a liberdade definitiva do nosso irmão e também arrecadar fundos para somar no financiamento coletivo que estamos organizando para compra de uma moradia digna para a sua família.

The Campaign for the Freedom of Rafael Braga makes a call for all collectives, movements and organizations that support Rafael’s freedom to join us in a series of mobilization activities. These activities will have the objectives of demanding the definitive freedom of our brother and also to gather funds for the crowdfunding that we are organizing for the purchase of a home for his family.

La Campaña por la Libertad de Rafael Braga convoca a todas las personas, movimientos y organizaciones populares y de derechos humanos, a todos que apoyan la libertad de Rafael Braga, para unirnos en una serie de actividades y movilizaciones por su libertad. Estas actividades tendrán por objetivo exigir la libertad definitiva de nuestro hermano, además de recaudar fondos para un financiamiento colectivo que estamos organizando para la compra de una vivienda digna para su familia.

PMERJ-13: A Pandemia Veste Farda

Maio 20, 2020 - 17:33
0 comments

A Polícia Militar sempre foi violenta. Sempre assassinou a população pobre. Sempre torturou, estuprou e cometeu atrocidades nas áreas periféricas por todo o país. Não é algo que surgiu com o governo Bolsonaro… na verdade a política de militarização das favelas nasceu no governo Lula, ainda com as UPP’s implementadas no Rio de Janeiro. As forças policiais apenas encontram em Bolsonaro e em Witzel figuras de autoridade capazes de dar aval para as brutalidades cometidas por seus agentes.

[Rio] Manifestantes Antifascistas Interrompem Ato Pró-Bolsonaro

Junho 01, 2020 - 18:01
Publicado em:
0 comments

A Polícia Militar chegou a atacar o grupo 3 vezes, e alguns bolsonaristas provocaram tumultos furando o bloqueio policial e investindo contra os antifascistas, que revidaram. Nas 3 ocasiões o conflito começou por provocações bolsonaristas e a Polícia Militar agiu com brutalidade apenas contra os antifascistas, atuando como verdadeiros seguranças particulares da manifestação pró-governo. Um ativista foi detido e outro passou mal devido ao gás lançado pela Polícia Militar.

Páginas