Mais populares

Mais populares

Paraty-RJ: Moradoras e moradores INCENDEIAM ÔNIBUS e BARRAM O AUMENTO da linha Paraty X Perequê

Janeiro 20, 2017 - 02:37
Publicado em:
2 comments

Desde o anúncio do aumento das tarifas de ônibus intermunicipais, que ocorreu em 13 de Janeiro e que afetava duas importantes linhas (Paraty X Perequê, que foi de R$5,00 para R$7,00 e Paraty X Angra, que foi de R$ 12,50 para R$ 14,00), moradoras e moradores começaram a se articular em seus bairros e a fechar a BR 101 com barricadas.

Rio de Janeiro-RJ: Dia da Consciência Negra é marcada por execuções em favelas.

Novembro 21, 2016 - 04:08
Publicado em:
6 comments
Fonte: Mídia Independente Coletiva - MIC

No sábado, dia 19 de novembro, durante uma operação na Cidade de Deus, zona oeste do Rio, um helicóptero da Policia Militar caiu. O incidente desencadeou uma série de operações da polícia em diversas comunidades pela cidade. Dezenas de pessoas já foram executadas e, segundo perícia preliminar, não há evidências de disparos contra a aeronave que, possivelmente, caiu por falha.

Cartilha Grêmio Autônomo e Auto Organizado

Essa cartilha é o resultado de um acúmulo histórico da luta do movimento estudantil local e foi elaborado com o intuito de resgatar os princípios de organização baseados na autonomia, horizontalidade, independência, apartidarismo e democracia direta desvalorizados nas ultimas décadas por conta de disputas institucionais, ou seja, disputas que estão sempre vinculadas aos governos ou a grupos que possuem interesses particulares em detrimento da construção da luta popular.

Sobre a tática Black Bloc nos movimentos populares do Rio de Janeiro

Março 28, 2017 - 21:26
2 comments

As jornadas de junho de 2013 alcançaram seu objetivo específico, a redução da passagem, mas como não havia horizonte estratégico bem desenhado, isto é, como não se tinha em mente qual seria o próximo passo, qual seria o novo objetivo especifico – a maioria das pessoas nem acreditava na vitória –, como as formas de intervenção não preparavam para um novo estágio organizativo, o recuo foi inevitável. A tática da revolta popular (denominada assim pelo blog Passa palavra) mostrou seus limites devido a transformação dos meios em finalidades e pela ausência de perspectivas.

Chacina em Pau D`arco no Pará é Crime de Estado!

Maio 25, 2017 - 01:57
Publicado em:
1 comments

As informações dão conta de 11 mortos e 14 baleados.

As informações que chegaram até agora apontam a DECA como a responsável pela operação militar.

As mentiras começam com a DECA informando que os policiais foram recebidos a tiros e reagiram! Mentirosos! Assassinos! Canalhas!

A Ger'Ação Direta no DF: Reflexões sobre as lutas sociais em Brasília na primeira década século XXI

O presente artigo tem como eixo condutor a relação entre a atual geração do movimento estudantil na UNB e o processo contemporâneo de movimentos sociais no Distrito Federal. Trabalharemos a hipótese de que a Ação Direta é a principal característica deste período. Sua análise terá como parâmetro cinco eventos nos quais a participação de estudantes secundaristas e/ ou universitários/as foi determinante: a Greve Nacional das Universidades Federais de 2001; a Luta pelo Passe Livre Estudantil e Contra o Aumento de Passagens de ônibus de 2004-2006; a Ocupação da Reitoria da UNB e a Luta pela Paridade de 2008; o Movimento Fora Arruda e Toda Máfia de 2009-2010; a Luta em Defesa do Santuário dos Pajés e contra o Setor Noroeste de 2011-2012. A análise será feita desde as recentes produções acadêmicas de ativistas sobre o movimento que apresentam diferentes características desta luta. Faremos, por fim, um balanço geral das principais contradições, limites e possibilidades desta luta, finalizando com uma breve comparação desta geração com outra, de 1968, também marcada por sua radicalidade.

Paraty-RJ: Moradoras e moradores se revoltam com o AUMENTO DAS TARIFAS intermunicipais

Janeiro 17, 2017 - 18:16
Publicado em:
2 comments

Ontem, dia 16/01, moradoras e moradores do bairro de Praia Grande em Paraty-RJ, realizaram uma manifestação contra o aumento das tarifas intermunicipais e trancaram a rodovia BR-101 das 16h até às 23:30h. A via foi fechada com troncos de árvore e atearam fogo, não deixando nenhum veículo passar. 

Paraty - RJ : Manifestantes lançam campanha contra decreto da prefeitura

Julho 24, 2017 - 00:51
3 comments
O convite, realizado apenas para os moradores e comerciantes do centro histórico, excluiu da reunião aqueles que moram nas regiões mais periféricas de Paraty e o chamado foi feito um dia antes da data marcada para o lançamento da campanha.

A PEC 241 e os movimentos conservadores anti-ocupação, o que há em comum entre eles?

Novembro 24, 2016 - 23:35
1 comments

A PEC 241/55 pretende congelar os investimentos nos serviços essenciais para a população por 20 anos e com isso, redirecionar tais recursos para grandes empresárias/os do sistema financeiro. Como reação a tais medidas de austeridade, estudantes e trabalhadoras/es em geral se organizam e as ocupações se espalham pelas universidades e escolas. No entanto, grupos conservadores se organizam para tentar impedir as ocupações e garantir o desenvolvimento do neoliberalismo no Brasil.

Niterói-RJ: UFF de biologia ocupada contra a PEC 241

Novembro 24, 2016 - 23:52
Publicado em:
0 comments

Nesta quinta-feira, dia 24 de novembro, o prédio da Física Velha, no campus Valonguinho da UFF, – onde atualmente ocorrem as aulas da Biologia – foi ocupado por estudantes contra a PEC 55, a reforma do Ensino Médio e a Escola Sem Partido. Esta é mais uma ocupação dentro da Universidade, que já tem outros campi e blocos ocupados. Dentro do Valonguinho, o bloco da Química já está ocupado.

[video] Brasília, 29/11/2016 ato contra a pec 55

Dezembro 09, 2016 - 22:13
Publicado em:
1 comments

Dia 29 de novembro de 2016 foi votada no Senado a PEC 55 que prevê um teto nos gastos públicos durante os próximos 20 anos, destinando os cortes na saúde e educação para pagamento da dívida pública às grandes financeiras. Do lado de fora, em Brasília milhares de manifestantes se concentravam em um ato de repúdio. Com palavras de ordem e preparação para ação direta, a intenção era paralisar a votação já que a possibilidade de não aprovação era colocada como quase nula, mesmo com os massivos protestos da sociedade. O clima em geral da manifestação era de desagrado e radicalidade, assim como o princípio era de insatisfação com as instituições representativas do governo e do Estado. O ato começou no Museu Nacional, com cerca de 30 mil pessoas de diversos grupos e locais do Brasil, sem uma liderança ou organização pré-definida.

Páginas