Mais populares

Mais populares

Fogo nos fascistas

Maio 29, 2020 - 11:25
Publicado em:
0 comments

Ele morreu. Um homem, preto, morreu sufocado em plena luz do dia, na rua, com seu pescoço sob o joelho de um homem branco fardado que se sentia com direito sob sua vida. “He is human, bro” (“ele é humano, cara”), foi o que um dos homens disse, assistindo àquela cena. Eu tentei reassistir o vídeo, pegar mais falas dos presentes, mas não tive estômago para isso. É triste, deprimente e, acima de tudo, revoltante. Mas, infelizmente, não é novidade.

[Rio] Manifestantes Antifascistas Interrompem Ato Pró-Bolsonaro

Junho 01, 2020 - 18:01
Publicado em:
0 comments

A Polícia Militar chegou a atacar o grupo 3 vezes, e alguns bolsonaristas provocaram tumultos furando o bloqueio policial e investindo contra os antifascistas, que revidaram. Nas 3 ocasiões o conflito começou por provocações bolsonaristas e a Polícia Militar agiu com brutalidade apenas contra os antifascistas, atuando como verdadeiros seguranças particulares da manifestação pró-governo. Um ativista foi detido e outro passou mal devido ao gás lançado pela Polícia Militar.

PMERJ-13: A Pandemia Veste Farda

Maio 20, 2020 - 17:33
0 comments

A Polícia Militar sempre foi violenta. Sempre assassinou a população pobre. Sempre torturou, estuprou e cometeu atrocidades nas áreas periféricas por todo o país. Não é algo que surgiu com o governo Bolsonaro… na verdade a política de militarização das favelas nasceu no governo Lula, ainda com as UPP’s implementadas no Rio de Janeiro. As forças policiais apenas encontram em Bolsonaro e em Witzel figuras de autoridade capazes de dar aval para as brutalidades cometidas por seus agentes.

Construindo economias coletivas no campo e na cidade

Outubro 04, 2013 - 11:55
0 comments

Em novembro de 2012 aconteceu no Centro de Cultura Social em Vila Isabel o EROPA (Encontro Regional de Organizações Populares Autônomas, vinculado ao ELAOPA – Encontro Latino-Americano de Org. Populares Autônomas). Esse encontro foi organizado pelos movimentos: MTD-Pela Base, MCP, OP, Mutirão, FIST, OATL. Numa das comissões (Economia Solidária) discutimos o significado da Economia Coletiva e Popular para os movimentos sociais emancipatórios e para uma transformação radical da sociedade. Surgiu a idéia de realizarmos, em 2013 um encontro de movimentos sociais e grupos que desenvolvem atividades no âmbito da Economia Coletiva e popular.

Quarta 22/02 centro do Rio - Bloco da Ceguinha 2017

Fevereiro 19, 2017 - 17:51
0 comments

vai sair quarta-feira 22 de fevereiro, 18 horas, do Bar Xodó do Paço (perto do Boteco do Beco, onde esteve ano passado, mas que está praticamente sitiado pelas grades do tirano Pezão e sua PM).

O Xodó do Paço fica na Travessa do Paço, 14, Centro da cidade do Rio de Janeiro, perto da ALERJ.

Samba de resistência é no Bloco da Ceguinha

Março 14, 2017 - 19:49
0 comments
(por: W. B.*)
 

O Carnaval brasileiro é uma festa de origem popular baseada no calendário católico. Os festejos são feitos justamente nos dias que antecedem a Quaresma (período de quarenta dias em que, segundo o Catolicismo, deve-se ficar voltado para conversão, penitência e oração). Jocosamente, o povo aproveitava o momento que antecedia o período de "abnegação e sacrifício" para festejar e zombar das penitências cotidianas, que - na verdade - se estendem por todo o ano.

Expulsam 170 bases de apoio aos zapatistas

Setembro 18, 2010 - 21:50
0 comments

Hermann Bellinghausen. La Jornada, 10/09/2010.

Na madrugada desta quinta-feira, cerca de 170 bases de apoio do Exército Zapatista de Libertação Nacional (EZLN) foram expulsas da comunidade tzeltal San Marcos Avilés, município de Chilón, Chiapas. A ação foi perpetrada por membros do PRI, PRD e PVEM en represália pela construção de uma escola autônoma no lugar. A junta de Bom Governo (JBG) do Caracol de Oventic denunciou que os agressores, liderados por Lorenzo Ruiz Gómez e Vicente Ruiz López, “chegaram com facões, paus e armas de fogo, entraram em duas casas e tentaram violentar duas mulheres”.

Encontro Anual 2013

Novembro 09, 2013 - 13:15
0 comments

Grupos confirmados

Articulação de Agroecologia Rio de Janeiro
Associação de Produtores Autónomos do Campo e da Cidade (APAC)
Cooperativa Liga Urbana (Ocupação Manoel Congo)
Cooperativa Roça!
Fabrica Ocupada Flaskô
Grupo Orgânico de Magé
Movimento das Comunidades Populares (MCP)
Movimento de Organização de Base (MOB)
Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA)
Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra (MST)
Os Neguin Q Não C Kala
Universidade Popular Autônoma de Centro (UPAC)

Olga – uma pequena homenagem (e algumas reflexões)

Setembro 30, 2016 - 22:39
0 comments

(por: Antony Devalle‎*)

No dia 23 de setembro de 1936 (ou seja, há 80 anos), o governo do Getúlio Vargas, ainda antes de impor o Estado Novo (foi e 1937), enviou a Olga Benario, grávida, à ditadura nazista. Ela havia sido presa no dia 5 de março daquele ano, quando, após a tentativa de tomada do poder central do Brasil por setores da Aliança Nacional Libertadora (ANL), especialmente comunistas, em 1935, estava escondida no Méier, no subúrbio carioca, junto com o Luís Carlos Prestes, de quem estava grávida. Ficou famosa a cena heróica em que ela se coloca entre a polícia e o Prestes no momento em que a polícia ia atirar nele.

Segunda Manifestação “Vidas Negras Importam” Fecha a Presidente Vargas

Junho 07, 2020 - 19:51
Publicado em:
0 comments

Desde cedo a Polícia Militar já atuava na região metropolitana do Rio tentando coibir que os manifestantes chegassem ao centro. Ônibus sendo parados, pessoas sendo abordadas no trem, ruas fechadas por cordão policial pelo centro, tanques de guerra sendo exibidos na Central do Brasil, cavalaria patrulhando as ruas em volta do local do protesto… Tudo isso fez parte de um show de terrorismo de Estado orquestrado pela Polícia Militar.

Páginas