Últimas Notícias

Últimas

Rio de Janeiro-RJ: Estudantes e movimentos se reúnem em ato contra a Reforma do Ensino Médio

Nesta terça, 18 de outubro. um dia após o grande ato contra a PEC 241 (link da matéria sobre o ato), um ato organizado coletivamente, de forma horizontal e independente por diversos estudantes e movimentos, aconteceu no centro da cidade. A concentração começou por volta das 17 horas, na Candelária e o ato terminou na Central do Brasil.

Read More

Rio de Janeiro-RJ: Violência e repressão no Ato Contra a PEC 241

Nesta segunda-feira, 17 de outubro, manifestações contra a PEC 241 foram puxadas em alguns estados do Brasil. No Rio de Janeiro reuniu cerca de 10 mil pessoas e foi brutalmente reprimida pela polícia militar. Jornalistas, bares e restaurantes também foram alvos dos policiais. Pelo menos dois jornalistas foram atingidos por PMs, sendo um gravemente ferido, precisando ser hospitalizado.

Read More

PEC 241 aprovada em primeiro turno gera revolta

Foi aprovada em primeiro turno na câmara dos deputados a PEC 241. A notícia, que começou a ser divulgada há pouco tempo, já gerou uma revolta gigantesca e inúmeras ações contrárias à aprovação da Proposta já começaram a ser marcadas. Todavia, o que é a PEC 241 e por que a população trabalhadora se põe ferozmente contra?

Read More

Rio de Janeiro-RJ: "Sabotarde: não vote, faça arte" faz campanha contra as eleições

Neste domingo, 02 de outubro, foi o grande dia, primeiro deles pelo menos. Milhões de brasileiros foram às urnas escolher seus próximos representantes dentre um mar de opções que não diferia muito.

Read More

À quem a reforma do ensino beneficia?

Recentemente, o MEC sinalizou uma grande reforma no Ensino Médio nacional. O argumento para tal é o desinteresse gerado pelo modelo atual de escola, o que acaba tornando o índice de evasão escolar muito alto (cerca de 7,5%). Todavia, a proposta do governo vem sendo problematizada, sobretudo por professores e estudantes secundaristas, que são os principais afetados com a reforma. Mas por que a polêmica?

Read More

México: 2 anos do desaparecimento dos 43 estudantes de Ayotzinapa

Na noite do dia 26 de setembro de 2014 policiais municipais fardados e em traje civil da cidade de Iguala (estado de Guerrero), atacaram a tiros covardemente aos estudantes da Normal Rural de Ayotzinapa, que se encontravam nesse dia na cidade de Iguala, fazendo uma coleta de recursos entre a população local para a manutenção da escola e para assistirem a marcha nacional em memória do assassinato dos estudantes de 1968, a realizar-se no dia 2 de outubro na cidade do México. Os estudantes estavam em cinco ônibus que seguiam à passeata na cidade, mas três foram na direção errada. Os estudantes desses ônibus desceram para perguntar sobre a saída correta e então ocorreu o primeiro ataque. Várias pessoas começaram a correr e, apesar da rua cheia de gente, não houve feridos. Os estudantes jogaram pedras e afugentaram as viaturas. Depois, esses três ônibus conseguiram continuar na direção certa, porém, o segundo ataque ocorreu algumas ruas antes de pegarem a estrada que levava à Cidade do México e foi nesta que os 43 foram levados.

Read More

Rio de Janeiro-RJ: Movimentos se reúnem para discutir estratégias de interesse popular para eleições

No dia 07 de setembro, em pleno feriado patriótico, a Articulação de Grupos Autônomos (AGA) se reuniu com outros movimentos, para discutir o posicionamento e as estratégias para estas eleições, que estejam de acordo com interesses populares, em vez de reforçar os interesses dos poucos proprietários e gerentes do estado brasileiro.

Read More

Rio de Janeiro-RJ: 7 de setembro negro – Grito dos Excluídos acontece novamente no Rio

Nesta quarta-feira, dia 7 de setembro, comemoração da Independência do Brasil, houve mais uma vez a realização de manifestações na cidade do Rio de Janeiro. O grito dos excluídos contou com cerca de três mil pessoas e caminhou pelas ruas do centro denunciando as mazelas que sofre diariamente a classe trabalhadora.

Read More

Niterói-RJ: Mais uma edição da 'Operação Mais Pão Menos Opressão' na Praça Araribóia

Neste domingo, dia 21 de agosto, mesmo dia do encerramento das Olimpíadas Rio 2016, que tanto oprimiu a classe mais pobre no Rio de Janeiro, que tanto reprimiu atos políticos, que foi usada como justificativa para uma "higienização social" na cidade, ativistas se reúniram no centro de Niterói para um encerramento digno.

Read More

Rio de Janeiro-RJ: ato contra as olimpíadas é brutalmente reprimido no Méier

Nesta sexta-feira, dia 12 de agosto, manifestantes reuniram-se na praça Agripino Grieco, no Méier, para fazer uma passeata em prol da educação e denunciar os abusos do Estado com as Olimpíadas e o descaso com os serviços públicos. O ato começou por volta das 14 horas e saiu pelas ruas do bairro por volta das 15 horas.

Read More

Rio de Janeiro-RJ: Abertura das olimpíadas é marcada por protestos e repressão

Há alguns meses, ativistas de diversos grupos, ideologias e bairros do Rio de Janeiro começaram a construir coletivamente um grande ato unificado. Ato esse que denunciaria todas as mazelas sofridas pela classe trabalhadora em prol da realização dos jogos olímpicos Rio 2016. Após muitas reuniões o ato aconteceu, nesta sexta, dia 5 de agosto, dia da abertura das Olimpíadas no Maracanã.

Read More

Niterói-RJ: População recebe a tocha com protestos e a polícia impõe a festa

Nesta terça-feira, dia 2 de agosto, ocorreram mais manifestações contra a passagem da tocha, desta vez em Niterói e em São Gonçalo, onde manifestantes conseguiram mudar o trajeto da tocha olímpica e fazer com que fosse apagada.

Read More

Escola sem partido ou escola do partido único?

Recentemente, foi aberto para votação online um projeto de lei muito polêmico e controverso que está tramitando no senado. O projeto 193/2016, que tem ganhado oposição da maioria dos professores brasileiros, é de autoria do senador Magno Malta (PR-ES). Escola Sem Partido, como é chamado, prega uma neutralidade na educação e o combate à "doutrinação" e à "ideologia de gênero", que segundo o movimento Escola Sem Partido, faz parte do cotidiano escolar brasileiro.

Read More

Niterói-RJ: Ocupação do Colégio Estadual David Capistrano é surpreendida pela Polícia após denúncia falsa

Durante a tarde do dia de hoje, 23 de julho, o Colégio Estadual David Capistrano, no bairro de Santa Barbara em Niterói, foi surpreendido pela Polícia Militar no local para averiguar denúncia de que haveria armas brancas dentro da escola. Poucos instantes após a chegada dos policiais, um grupo do movimento #desocupa, contrários a ocupação, chegaram à escola querendo a desocupação de forma violenta.

Read More

Rio de Janeiro-RJ: Ativistas pedem imagens de câmeras da viatura onde Rafael Braga foi levado

Nesta quarta-feira, dia 20, manifestantes se reuniram na frente do Ministério Público, no centro do Rio de Janeiro, para pressionar o Ministério Público que fortaleça o pedido dos advogados de que as câmeras da viatura, onde Rafael Braga foi levado preso, sejam averiguadas. Em audiências anteriores, o Juiz do Tribunal de Justiça negou o pedido de averiguação da câmera. O ato teve início por volta de 13 horas e se estendeu até o fim da tarde, com falas de integrantes da campanha pela liberdade do Rafael e panfletagem.

Read More

Rio de Janeiro-RJ: Ato pela educação impede votação que permite a demissão de servidores do estado

Nesta terça-feira, dia 19 de julho, a categoria dos professores estaduais decidiu em assembleia a continuação da greve, que já se estende por mais de quatro meses, ainda sem reajuste salarial.

Read More

Rio de Janeiro-RJ: Indígenas que ocupavam o museu do índio são retirados de forma ilegal e violenta pelo estado

Há uma semana vinha acontecendo o movimento de ocupação da FUNAI do Rio de Janeiro na intenção de protestar pela devolução da Aldeia Marakànà, que foi tomada pela Odebrecht, através da concessão do entorno do Maracanã. Além dessa, estavam na pauta outras demandas como a luta contra o etnocídio indígena, contra a PEC 215, e, sobretudo, contra a instalação do Comitê Olímpico Internacional no prédio do Museu do Índio, algo bem incoerente no que se propõe em seu papel institucional, pois os mesmos que impedem a entrada de indígenas que se recusam no reconhecimento de bebelôs-folclorizados, aceitam a entrada de estrangeiros com finalidades capitalistas nas olimpíadas. A FUNAI que se diz um órgão pró-indígena, mas há anos se recusa a receber as lideranças.

Read More

Rio de Janeiro-RJ: Ocupação da UERJ denuncia TRABALHO ESCRAVO e a precarização em prol das olimpíadas.

No dia 13 de Julho, universitários, secundaristas, funcionários técnico-administrativos, professores e demais apoiadores da causa, ocuparam o corredor da reitoria da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), como um movimento unificado contra a precarização da educação e pelo boicote às olimpíadas.

Read More

São Gonçalo-RJ: Colégio Estadual Pandiá Calógeras é desocupado após mais de dois meses

Neste dia 07 de julho, os estudantes ocupantes do Colégio Estadual Pandiá Calógeras desocupam após mais de dois meses de ocupação.

Read More

Rio de Janeiro-RJ: Ato unificado dos trabalhadores denuncia precarização em prol das olimpíadas

Nesta quarta-feira, dia 6 de julho, trabalhadores de diversos setores e estudantes organizaram uma grande manifestação repudiando os gastos com as olimpíadas, os atrasos nos salários dos servidores públicos do Rio de Janeiro e a precarização do setor público. O ato começou por volta das 15 horas na Candelária e terminou na Prefeitura por volta das 19 horas.

Read More

Páginas