O Globo, 11/06/2006:

MORTE DE PADRE

Dois anos após ter sido baleado num assalto quando chegava em casa, o padre Valter da Costa Santos, de 38 anos, morreu na noite de sexta-feira. Ele era pároco da Paróquia Bom Pastor e Nossa Senhora de Fátima, em Campo Grande, e capelão do Regimento de Cavalaria da PM. Padre Valter já tinha recebido alta médica, mas voltou a ser internado recentemente devido a complicações provocadas pelo tiro. O cardeal-arcebispo do Rio, dom Eusébio Scheid, celebrou missa em sua memória.
__________________________________________________

Na foto, o padre Valter da Costa recebe a cartilha sobre Acessibilidade do Núcleo Pró-Acesso da UFRJ da então candidata a vereadora pelo PPS/Rio Regina Cohen, em 13/06/2004, no I Congresso da Pastoral de Portadores de Necessidades Especiais na Paróquia Bom Pastor e N. S. de Fátima, uma iniciativa sua.

Foto: Andrei Bastos