Julho 2015

Niterói-RJ: Cine SOS Caiçaras na praia do Sossego

Julho 19, 2015 - 00:00
Posted in:
0 comments

Nesta Sábado, dia 19, os moradores Caiçaras da praia do Sossego em Niterói, vizinhos, frequentadores da praia e ativistas, realizaram um cine Caiçara com a exibição do média metragem “Sossego Praia para Todos”. O filme e o evento foram produzidos por Mídias Independentes que fazem parte da mobilização contra a remoção das famílias da Praia do Sossego.

Porto Alegre-RS: Das falsas democracias e ditaduras do terror: | De falsas democracias y dictaduras del terror: Caravana 43

Julho 07, 2015 - 00:00
0 comments

Em sua globalização contínua de lutas, a Caravana 43 pela América do Sul realizou uma visita a cidade de Porto Alegre no Estado do Rio Grande do Sul, no extremo sul do Brasil, em que coletivos autônomos articularam a iniciativa de denúncia e solidariedade internacional pela exigência da aparição com vida dos 43 que faltam a todxs nós. Indivíduos, grupos e coletivos gaúchos fizeram um encontro para escutar as palavras simples que evidenciaram o processo sistemático da América Latina: a cruel guerra dos Estados contra sua própria população, aspecto que faz lembrar as ditaduras militares de ontem e hoje, particulamente no Brasil com sua simulada democracia, em que o nome de Ayotzinapa coube profundamente ao enunciar não a exceção, mas sim a regra dos maus governos do México e do mundo.

En su continuo globalizador de luchas, la Caravana 43 Sudamérica realizó una visita a la ciudad de Porto Alegre, estado de Río Grande del Sur, al extremo sur de Brasil, donde colectivos autónomos articularon la iniciativa de denuncia y solidaridad internacional por la exigencia de aparición con vida de los 43 que nos faltan a todxs. Individuos, grupos y colectivos gauchos se dieron cita para escuchar las palabras simples que evidencian el proceso sistemático en América Latina: la cruel guerra desde los estados contra su propia población, aspecto que recuerda a las dictaduras militares de ayer, y hoy particularmente en Brasil y su simulada democracia, donde el nombre de Ayotzinapa caló profundamente al enunciar no la excepción, sino la regla de los malos gobiernos de México y el mundo.