Junho 2014

Por que a favela grita que "a UPP também é ditadura"?

Junho 30, 2014 - 00:00
0 comments

Nos últimos meses a população de várias favelas do Rio de Janeiro está se organizando contra a massiva repressão das Unidades da Polícia Pacificadora – UPP. Junto aos gritos de “UPP também é ditadura” e “UPP chegou para matar trabalhador”, os moradores têm protestado e denunciado uma falsa política de segurança que se restringe à mais opressão da população pobre e marginalizada.

Rio de Janeiro-RJ: Ato "A festa nos estádios não vale as lágrimas nas favelas"

Junho 29, 2014 - 00:00
0 comments

Nesta segunda-feira, 23 de junho, mais um dia de jogo do Brasil na Copa do Mundo, vários movimentos sociais programaram protestos em Copacabana, bairro onde está montada a arena da FIFA FunFest e onde se concentra boa parte dos turistas. As manifestações, que tinham horários e locais de concentração distintos, se encontraram e se uniram em uma marcha única pela praia de Copacabana, com destino a favela Pavão-Pavãozinho/Cantagalo.

Rio de Janeiro-RJ: Manifestação "Não vai ter Copa! FIFA Go Home!"

Junho 28, 2014 - 00:00
Posted in:
0 comments

Neste sábado, dia 28 de junho, o ato puxado pela Frente Independente Popular (FIP), contra a Copa, reuniu cerca de 300 pessoas, e saiu da praça Saens Pena com o objetivo de chegar ao Maracanã. A Polícia Militar manteve constantes revistas durante a concentração, como já vinha ocorrendo nas últimas manifestações, e momentos antes do ato sair, cercou os manifestantes na tentativa de impedir que tomassem as ruas. Os manifestantes conseguiram romper esse primeiro cerco e dar início ao ato, mesmo assim policiais tentaram obrigar que a passeata seguisse apenas pela calçada e, durante todo o percurso, a Polícia montou barreiras, dificultando o andamento da manifestação e impedindo o avanço em algumas ruas.

Rio de Janeiro-RJ: Choque de amor

Junho 28, 2014 - 00:00
Posted in:
0 comments

Pouco antes do início do jogo do Brasil, no sábado (28/06), a praia de Copacabana foi tomada por diversos movimentos sociais que participavam do segundo ato “Copa na Rua”. A comissão de frente do “Choque de amor” deu o tom da manifestação que seguiu tranquila do Posto 6 até o Leme, apesar do imenso número de policiais acompanhando a passeata. Próximo ao Copacabana Palace houve uma pausa para leitura coletiva de um manifesto pelo direito à cidade.

DIA DO ORGULHO LGBT

Rio de Janeiro-RJ: Despacho Olímpico

Junho 25, 2014 - 00:00
Posted in:
0 comments

Ontem (25/06), aconteceu, na Praia de Copacabana, o Despacho Olímpico.
 Em uma ação bem humorada, um grupo de ativistas montou uma cena na areia da praia, oferecendo um despacho à Inglaterra para que a seleção (já fora da Copa do Mundo) leve as Olimpíadas de volta para Londres.
As Olimpíadas estão prevista para acontecer no Rio de Janeiro em 2016.

Rio de Janeiro-RJ: Educação em greve: entenda a luta dxs profissionais de educação

Junho 25, 2014 - 00:00
Posted in:
0 comments
Educadores e educadoras na porta do SEPE

COLETIVA DE IMPRENSA NA RUA

Fomos convidadxs para uma coletiva de imprensa chamada pelxs profissionais de educação em greve do Rio de Janeiro. A coletiva, marcada para as 19h na sede do SEPE (Sindicato estadual dos profissionais de educação do Rio de Janeiro), no centro da cidade, foi desmarcada na última hora. Alguns veículos foram informados e outros não. Como não recebemos nenhum comunicado nesse sentido, fomos até lá.

Rio de Janeiro-RJ: Ato simbólico do Ocupa Cabral

Junho 23, 2014 - 00:00
Posted in:
0 comments

Hoje (23/06) pela manhã, ativistas que participaram das ocupações que aconteceram entre 2012 e 2013, em frente a casa do Sérgio Cabral (ex-governador do Rio de Janeiro), no Leblon, se reuniram para realizar o ato simbólico de afixar uma placa lembrando os dias de resistência que aconteceram no local.

Confira a galeria de fotos do CMI-Rio.

Rio de Janeiro-RJ: Manifestação 20J e Festa Junina #FifaGoHome

Junho 20, 2014 - 00:00
Posted in:
0 comments

Nesta sexta-feira, 20 de junho, aconteceu no centro do Rio de Janeiro o ato 20J, em comemoração ao aniversário de um ano da manifestação que levou mais de um milhão de pessoas às ruas da cidade. Neste mesmo dia, a FIP (Frente Independente Popular) organizou uma festa junina embaixo dos arcos da Lapa, com direito a fogueira e doces típicos. A festa, além de também ser comemorativa, foi um protesto à proibição de realizações de festas juninas em Salvador, por imposição da lei da Fifa.

Rio de Janeiro-RJ: Ato nacional pela TARIFA ZERO! | Acción nacional por TASA CERO! | National act for FREE BUS FEE!

Junho 17, 2014 - 00:00
Posted in:
0 comments

Nesta terça-feira, dia 17/06, acompanhamos mais uma manifestação na cidade do Rio de Janeiro durante jogo da seleção brasileira, convocada pelo Movimento Passe Livre.

Este martes, 17/06, seguimos otra protesta más en la ciudad de Río de Janeiro durante el partido de la selección brasileña, convocada por el "Movimiento Abono Libre".

This tuesday, June 17th, we stood by another demonstration at the city of Rio de Janeiro during the brazilian team game, called by Free Pass Movement (Movimento Passe Livre).

Rio de Janeiro-RJ: Ato de inauguração do Maracanã | Demonstration at the inauguration of Maracanã

Junho 15, 2014 - 00:00
Posted in:
0 comments

Neste domingo, 15 de junho, o Maracanã estreou seu primeiro jogo na Copa dos protestos. Do lado de fora, os manifestantes reuniram suas faixas e repertório para fazer mais um protesto contra as irregularidades promovidas pela Copa do mundo. Cerca de 500 manifestantes se concentraram na praça Sãens Pena na Tijuca, e ainda antes de começar o jogo, saíram pelas ruas em direção ao estádio.

This sunday, June 15, Maracanã debuted its first game at this Protests' Cup. Outside, protesters got together its flags and a music lineup to make one more protest against the irregularities promoted by the World Cup. Aproximately 500 people concentrated at Sãens Pena Square, in Tijuca, and even before the game started, walked alongside streets to the direction of the stadium.

Rio de Janeiro-RJ: "Não vai ter Copa!" | "There won't be no Cup! FIFA GO HOME!"

Junho 14, 2014 - 23:38
Posted in:
0 comments

O 2º ato da Copa dos Protestos, o Ato “NÃO VAI TER COPA! FIFA GO HOME!”, teve início na Praça Cardeal Arcoverde, em Copacabana, às 15h. Um imenso grupo de policiais acompanhava a manifestação. Antes mesmo da passeata seguir caminho, um manifestante foi preso dentro da estação de Metrô por gritar #NãoVaiTerCopa em um megafone.

The 2º act of the Protests' Cup, “NÃO VAI TER COPA! FIFA GO HOME!” ("There won't be no Cup! FIFA GO HOME!"), started at Cardeal Arcoverde square, at Copacabana, at 15hs. A huge number of policemen followed the demonstration. Even before the demo started a protester was arrested inside the metro station for shouting #NãoVaiTerCopa at a megaphone.

Rio de Janeiro-RJ: "Abertura da Copa dos protestos" | “Opening of the Prostests Cup”

Junho 12, 2014 - 00:00
Posted in:
0 comments

Neste 12 de junho, a Copa dos protestos começou na Candelária, centro do Rio de Janeiro, às 10h, no ato “Nossa Copa é na Rua”, que reuniu aproximadamente 4.000 pessoas, entre diversos movimentos sociais, grevistas da educação, saúde e cultura e ativistas em geral. Xs manifestantes caminharam apresentando diversas performances artísticas e cantaram músicas de protesto, unindo bom humor e contestação. Enquanto a manifestação acontecia, um dos policiaistransmitia o andamento em tempo real para o Centro de Operações e Controle (recém aberto).

In this June 12th, the demonstration started at Candelária, downtown Rio, at 10 o'clock in the morning and gathered aproximately 4.000 people from different social movements and education, culture and health workers on strike, that marched presenting artistic performances and protest music, uniting good humor and contestation. During the demonstration a policeman filmed and transmited it live to the Police Center of Operations and Control (newly opened).

Rio de Janeiro-RJ: Ativistas têm material apreendido e casas revistadas

Junho 11, 2014 - 00:00
Posted in:
0 comments

O Jornal O Globo já fez uma insinuação leviana de que a ativista Sininho seria responsável pela compra do explosivo quea atingiu o cinegrafista Santiago de Andrade. O Jornal afirma que a Sininho foi levada hoje para prestar esclarecimentos sobre compra irregular de fogos de artifício, apesar de estar sendo levada para a DRCI (Delegacia de Repressão aos Crimes da Informática), em seguida “lembra” que o Cinegrafista foi atingido por um rojão, forçando uma associação leviana e criminosa.